Logo Zignet branco

| Blog

Transferência de veículo online já é realidade. Conheça os procedimentos

Leia em 6 minutos
Imagem de um homem sorrindo, segurando um celular
Índice do conteúdo

Você acha que, para fazer a transferência de um veículo usado para seu nome, ainda é preciso gastar dinheiro com despachante? Hoje em dia, as coisas ficam cada vez mais facilitadas por conta das tecnologias que temos. Dessa forma, a transferência de veículo online já uma realidade.

O site do Detran SP, por exemplo, oferece esse serviço de forma digital. Há também o aplicativo Carteira Digital de Trânsito que já simplifica todos os procedimentos. Neste texto, vamos explicar quais são os documentos necessários, como realizar o processo de duas formas diferentes e quanto você vai gastar com isso. Quer saber como fazer sua transferência de veículo online? Acompanhe o conteúdo!

Quais os documentos necessários para fazer transferência de veículo online?

Primeiramente, é aconselhado que alguns procedimentos sejam feitos antes da compra efetiva do carro, visto que a transferência do veículo pode ser rejeitada. Imagine que você já pagou para adquirir o veículo e, em um dos processos, não pôde fazer o registro no seu nome. É bom evitar esse tipo de situação.

Vistoria de Identificação Veicular

Um exemplo disso é a Vistoria de Identificação Veicular ou laudo ECV. Nesse documento, constam informações e imagens do veículo, e o objetivo é basicamente identificar se o carro apresenta irregularidades, o que poderá reprovar o laudo e, assim, impedirá o registro no seu nome. Considerando a importância desse processo, ele é realizado por alguma empresa credenciada pelo Detran.

Com essa etapa pronta, é hora de ir ao site do Detran e consultar débitos e restrições do veículo, as quais também podem impedir a transferência se existirem. Após esses dois passos, sua transferência de veículo já está garantida, então você já tem mais segurança para fazer o pagamento e efetivar a compra.

Certificado de Registro de Veículo

Preste atenção à seguinte questão: após a assinatura do Certificado de Registro de Veículo (CRV), você tem 30 dias para completar todo o processo que efetivará a transferência — lembrando que, na pandemia, prazos como esse foram flexibilizados. Mas, normalmente, se ele for descumprido, o resultado é recebimento de multa e pontos na carteira. Outra coisa importante é que, durante esse período, o uso do carro fica mais restrito.

O CRV é um documento importante e necessário para a transferência de veículo online. Ele também é chamado de ATPV, que nada mais é do que a autorização para esse processo acontecer. O ATPV ou CRV deve ser preenchido e ter reconhecimento de firma por autenticidade tanto do comprador quanto do vendedor. 

Esse documento, como muitos outros, já existe digitalmente, sendo chamado de ATPV-e, porém, mesmo sua versão impressa precisa de tal reconhecimento de firma quando você vai fazer a transferência pelo site do Detran.

Documentos pessoais

O próximo documento necessário é o de identificação pessoal do comprador, que pode ser a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), o Registro Geral (RG) ou o Cadastro de Pessoa Física (CPF). Separe também um comprovante de residência.

Como é feita a transferência de veículo digital?

A partir do ano de 2022, teremos a transferência de veículo online por meio de um aplicativo chamado Carteira Digital de Trânsito, além do site do Detran. A seguir, vamos explicar como é o processo em cada um deles.

Site do Detran

Após ter todos os documentos em mãos, você deve digitalizá-los para fazer o envio ao Detran. Depois, entre no site ou aplicativo do Detran — faça o cadastro se ainda não tiver — e clique na parte “Veículos”, em seguida, “Transferência de Veículo” e “Transferência de propriedade”. Assim, vai aparecer a opção “Faça pela internet”. 

É importante dizer que, nesse momento, a comunicação de venda já deve ter sido efetivada, o que ocorre quando o vendedor faz o reconhecimento de firma do documento de autorização. Essa informação aparecerá para você nessa etapa, requisitando apenas o número do CRV para continuar. Após o preenchimento de algumas informações e o envio dos documentos, você conclui sua solicitação de transferência de veículo online e é só aguardar.

Aplicativo Carteira Digital de Trânsito

Quando você faz a transferência de veículo online pelo site do Detran, ainda precisa ter um trabalho de ir até o cartório e fazer o reconhecimento de firma dos documentos. O aplicativo Carteira Digital de Trânsito elimina essa necessidade. 

Nele, basta que vendedor e comprador tenham cadastro a fim de utilizar o recurso de assinatura eletrônica para assinar a Autorização para Transferência de Propriedade de Veículos (ATPV-e), o que dispensa o reconhecimento de firma. Sendo assim, a comunicação de venda é feita diretamente pelo smartphone.

Para que esse tipo de transferência de veículo online seja possível, é necessário ter o login com conta “Prata” ou “Ouro” na plataforma GOV.BR, sendo que o primeiro você consegue obter por validação com seu cadastro via internet banking ou SIGEPE, e o segundo, com autenticação via Certificado Digital.

O último passo é fazer a vistoria do veículo, único momento que não é possível ocorrer de forma online.

O aplicativo está disponível para os seguintes estados: Acre, Ceará, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Pernambuco e Roraima.

Quanto custa uma transferência de veículo online?

Os estados cobram uma taxa de transferência, a qual você consegue pagar no próprio site do Detran, emitindo um boleto, e em internet banking, aplicativos de banco ou caixa eletrônico, sendo os bancos credenciados Bradesco, Santander, Safra, Banco do Brasil, Itaú, Banco Mercantil do Brasil e Bancoob. Neles, a opção que você deve procurar é “Débitos de Veículos” e, após clicar nela, selecione “Transferência” e tenha o RENAVAM do veículo em mãos, pois ele será requisitado.

O custo da transferência de veículo online varia de acordo com o estado. Em São Paulo, por exemplo, o valor fica por volta de R$ 246,17.

Agora você já sabe como fazer a transferência de veículo online. Lembre-se de que, se o carro apresentar pendências como multas, é preciso regularizar isso a fim de que seja possível fazer o registro no seu nome. Nesse sentido, a Zignet pode ajudar, oferecendo opções de parcelamento de débitos veiculares.

Se quer saber mais, continue no nosso blog. Nele, você encontrará diversas informações para a regularização de veículos.

 

Banner Zigauto

Avalie este post

A ZIGNET é uma Instituição de Pagamento que surgiu para facilitar e inovar a forma de recebimento de contas, à vista ou parceladas, por meio de cartões ou outras modalidades de pagamentos eletrônicos.

Além de oferecer os serviços tradicionais de recebimento de cartões, as maquininhas ZIGNET também têm como diferencial parcelar em até 12 vezes, no cartão de crédito, boletos e contas emitidos por empresas públicas e privadas. Atendimento personalizado, tecnologia de ponta e o melhor custo-benefício são vantagens que a ZIGNET disponibiliza aos seus clientes, oferecendo maior agilidade e segurança nas transações de pagamentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe nas redes sociais

Últimas publicações