Idioma: PortuguesEnglishSpanish
Idioma: PortuguesEnglishSpanish

Regularizar débitos veiculares de forma online e parcelada é opção para quem não quer gastar com despachantes

Muitas pessoas costumam brincar dizendo que “ter um carro é como ter um filho”.
Além de abastecer com combustível, é preciso estar atento aos impostos e taxas para evitar preocupações.

Embora as despesas para aquisição e manutenção de um veículo no Brasil sejam altas, o número de carros vem aumentando. Entre 2001 a 2014, a frota brasileira foi de 32 milhões para 57 milhões de veículos, representando aproximadamente 30% da população.

Para se ter uma ideia, sem considerar o IPVA, DPVAT e Licenciamento, um carro popular recolhe 33,81% em impostos. Já para os modelos 2.0 esse valor pode chegar a até 38,7%.

Com tantas taxas, impostos e burocracia para lidar, muitos proprietários acabam recorrendo aos serviços de despachantes para resolver pendências. O despachante é responsável por garantir que a documentação de qualquer automóvel esteja em conformidade com a lei. Ele é o intermediário entre o condutor e o Detran, emitindo documentos, pagando multas e outras dívidas do veículo, como impostos e demais procedimentos. Prático, mas necessário em todos os casos ?

A Regularização de débitos veiculares como multas, IPVA, licenciamento, podem ser feitas de maneira on-line. Além da praticidade, você pode economizar com despachantes.  Quer saber como? Continue a leitura.


Tempo é dinheiro. Com o parcelamento on-line da Zignet você economiza os dois

De acordo com reportagem da Folha de São Paulo, um despachante cobra o valor de até cinco vezes mais, do que realizar por conta própria, os procedimentos mais comuns do Detran.  
 
“Hoje existe uma diferença muito grande de preços de despachante para despachante”, afirma Francisco Castro Pereira, diretor financeiro do Sindicato dos Despachantes do Estado de São Paulo.

Com a evolução da tecnologia, hoje é possível utilizar ferramentas on-line que eliminam a burocracia, além de gerar economia aos proprietários que não precisam fazer uso dos despachantes.
 
A fintech Zignet, por exemplo, proporciona consulta de débitos veiculares de forma online e gratuita. Além disso, permite ao motorista pagar as dívidas do veículo em até 12 vezes no cartão de crédito.
 
Se você precisa regularizar débitos como: Multas, IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores), Licenciamento; Seguro DPVAT, conte com a Zignet.
 
Lembre-se: Não efetuar o pagamento corretamente pode gerar outros problemas para o proprietário do automóvel, como por exemplo:

 

  •   Juros e multas: Quanto maior o atraso do pagamento, mais juros e multas correm sob esse valor, por isso, o acréscimo final pode pesar no bolso. Em alguns casos, as pessoas também podem ficar com o nome restrito;
  •     Apreensão de veículo: Caso o pagamento das dívidas não seja regularizado, os órgãos competentes podem suspender a CNH do motorista ou até mesmo apreender o veículo para quitar a dívida.


Como fazer a consulta dos débitos de um veículo?

Nesse tópico, vamos explicar duas formas de consultar os débitos do seu veículo.

1- Pelo site do Detran

O primeiro passo é ter em mãos o número do RENAVAM (Registro Nacional de Veículos Automotores) do veículo. Todas as dívidas do veículo ficam atreladas ao número do RENAVAM que é único e intransferível.

Com esse número em mãos você deve acessar o site do DETRAN do seu estado e fazer a consulta.

Cada site tem seu próprio passo a passo, então o guia abaixo pode ter algumas diferenças. Neste exemplo, vamos usar como base o site do Detran de SP. Confira!

  1. Acesse o portal do Detran do seu estado, se for o de SP, clique aqui!
  2. Selecione a opção veiculos -> “Pesquisa de débitos e restrições”.
  3. Efetue o login no site ou se cadastre com o número do CPF ou CNPJ.
  4. Digite o número do RENAVAM e da placa do veículo. Depois clique em avançar.
  5. Os débitos do veículo vão aparecer na tela para consulta. Pronto!

Vale ressaltar que pelo Detran não é possível parcelar débitos de veículos! Se esta é sua intenção, siga o guia abaixo.

2- Pela plataforma Zignet

Com a Zignet, além de consultar os débitos veiculares, você pode parcelar o pagamento em até 12 vezes no cartão de crédito. Para isso, primeiramente acesse a aba de parcelamento online → débitos veiculares , depois siga o passo a passo:

  1. Tenha à mão a placa e o número do Renavam. Pode encontrar este número no documento do veículo;
  2. No site da Zignet, procure a guia de parcelamento online;
  3. Em seguida, encontre a opção de débito do veículo;
  4. Na próxima página, digite o número da placa do seu veículo no espaço fornecido e selecione “consultar”;
  5. Se solicitado, preencha o número do Renavam, e o local onde o carro foi emplacado;
  6. Prossiga para “consultar” e verifique as informações de licenciamento on-line e dívidas pendentes;
  7. Selecione quais deseja regularizar;
  8. Escolha o número de parcelas desejado;
  9. Insira os dados do seu cartão de crédito para concluir a transação.

Importante ressaltar que o pagamento on-line só é válido para os débitos que ainda não se tornaram dívida ativa. 

O que fazer ao comprar um carro que possui débito em aberto?

Antes de realizar a compra do veículo, é possível fazer a consulta dos débitos na plataforma Zignet. Basta ter os dados do automóvel a ser comprado (placa e renavam).

Se houver dívidas em aberto, é necessário fazer a regularização para poder seguir com o processo de compra e venda. Por isso, se você deseja adquirir um veículo que esteja com dívida, é preciso avaliar o total dos débitos e negociar um abatimento no valor final com o vendedor.

Quais as vantagens de realizar a consulta de débitos on-line?

Antes de entrar em um financiamento ou consórcio, você deve ter certeza de que a compra é um bom negócio.

Como dissemos, uma das vantagens da consulta on-line de débitos é a possibilidade de verificar se o carro ou moto possui alguma dívida, antes mesmo de comprá-lo.

Além disso, existem outras vantagens como:

  •     Não precisa contratar despachante;
  •     Consulta gratuita;
  •     A consulta pode ser feita a qualquer momento e em qualquer lugar;
  •     Plataforma confiável e credenciada pela Secretaria Nacional de Trânsito (SENATRAN).

 

Neste artigo, abordamos como a evolução da tecnologia proporcionou novas formas de resolver áreas burocráticas, permitindo aos cidadãos brasileiros a possibilidade de regularizar seus débitos veiculares, com menos intermediários e mais praticidade. 

Gostou do conteúdo? Acesse o nosso blog para ler mais materiais que possam te ajudar!