Logo Zignet branco

| Blog

Placa de parada obrigatória - R1

Entenda o que significa essa placa de sinalização de regulamentação e quais as consequências de não respeita-la.

Você está ciente da placa que exige uma parada obrigatória? E qual é a consequência quando o motorista desobedece essa ordem de parar? Este conteúdo preparado pela Zignet irá esclarecer essas e outras dúvidas.

 

O que significa a placa de parada obrigatória? 

A placa de parada obrigatória se refere a circunstâncias em que é essencial que os veículos parem, e a mera diminuição de velocidade não é suficiente ou segura. Essa sinalização é simbolizada pela placa R-1.

 

O que acontece se eu não respeitar essa sinalização?

O desrespeito ao sinal R-1 de parada obrigatória caracteriza infração prevista no art. 208 do CTB, essa infração é considerada gravíssima e resulta em uma dedução de sete (7) pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH), além de uma multa no valor de R$ 293,47.

Placa de parada obrigatória R1

Por que as placas de parada R1 e R2 são diferentes?

As placas de parada R-1 e R-2 são diferentes porque têm significados e finalidades distintas dentro do sistema de sinalização de trânsito:

1. Placa R-1 (Parada Obrigatória):

– A placa R-1, também conhecida como “Pare”, indica a obrigatoriedade de parar o veículo antes de prosseguir em uma interseção, cruzamento ou local determinado pela sinalização.
– Ela é usada em situações em que a parada é necessária devido a regras de tráfego específicas, como a preferência de quem está na via transversal.
– O não cumprimento dessa placa resulta em infração gravíssima, com penalizações, como a perda de pontos na carteira de habilitação e multa.

2. Placa R-2 (Dê a Preferência):

– A placa R-2, também conhecida como “Dê a Preferência”, não obriga a parada, mas instrui o condutor a ceder a vez para os veículos que estão na via à qual se está entrando.
– Ela é utilizada em interseções e cruzamentos para indicar que o condutor deve permitir que os veículos que já estão na via tenham a prioridade de passagem.
– O não cumprimento da instrução da placa R-2 pode resultar em situações perigosas no trânsito, mas não é uma infração em si.

Em resumo, a placa R-1 exige uma parada obrigatória, enquanto a placa R-2 orienta o condutor a dar a preferência, mas não impõe a parada de maneira estrita. Ambas desempenham papéis importantes na regulação do tráfego e na segurança viária.

Compartilhe nas redes sociais