Logo Zignet branco

| Blog

O que não passa na vistoria veicular? Confira na Zignet!

O que não passa na vistoria veicular
Índice do conteúdo

Confira detalhes importantes do que não passa na vistoria veicular!

A compra e venda de carros usados é uma forma bem mais rápida de se comercializar, independentemente da intenção, principalmente para quem está comprando e analisando que o valor será bem abaixo se comparado a um veículo novo.

Entretanto, para quem está vendendo, para que tudo ocorra bem e o veículo consiga ser repassado, é necessário realizar a vistoria dele — e, nesse sentido, alguns cuidados e precauções são essenciais. Para te ajudar a saber os principais pontos para se prestar atenção, separamos alguns tópicos para te informar. Continue a leitura e fique por dentro de tudo!

O que é uma vistoria veicular?

A vistoria veicular serve como um check-up geral, verificando se o carro está adequado para a venda, se as peças estão funcionando de maneira correta e se nenhum item passou do seu tempo de vida útil. Ela também garante que o veículo está apto para rodar com segurança com o novo dono.

Podemos dizer, então, que uma vistoria veicular é um procedimento de cautela, a fim de prevenir o comprador de possíveis gastos extras assim que adquire o veículo, além de trazer mais segurança e tranquilidade para fazer essa aquisição.

Quando é realizado o procedimento de vistoria veicular?

Esse é um processo não obrigatório na revenda de automóveis, porém, esse tipo de vistoria é prática muito comum em seguradoras e concessionárias de veículos, a fim de certificar que o carro está em ordem e pode ser comercializado, passando por um pente fino. Mas o recomendado é realizar sempre essa vistoria em qualquer ocasião, o veículo sendo comprado por CPF ou CNPJ.

E se você está pensando em comprar ou vender seu veículo: saiba tudo sobre o Documento Único de Transferência!

O que reprova uma vistoria veicular?

Para não ter uma vistoria veicular negada, se atente a esses detalhes que reprovam o veículo para venda:

1. Chassi com numeração alterada ou ilegível

Essa é uma informação crucial que deve ser sempre muito bem visível e clara, ela contém dados como: local em que foi produzido e a montadora, além do número do carro que comprova a autenticidade do carro.

Dessa forma, os números jamais devem estar raspados, rasurados ou recebido alguma alteração que comprometa a leitura de identificação. Caso contrário, a vistoria será reprovada.

2. Suspensão irregular ou comprometida

Outro fator crucial que deve ter cuidado é com a suspensão do carro — visto que ela é a responsável por manter o alinhamento e balanceamento do carro, a fim de reduzir os desníveis e possibilitar uma condução tranquila.

Portanto, proprietários de veículos que alteram essa suspensão de fábrica realizam essa customização de forma irregular e acabam sendo reprovados no processo de vistoria cautelar.

3. Janelas danificadas e/ou vidros deteriorados

Caso o veículo apresente rachaduras, quebras e trincos, a vistoria será negada. Outro ponto importante é: o insulfilme do carro deve ter sido instalado corretamente e seguindo as regras do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

4. Falta de dispositivos de sinalização e segurança

O carro deve conter todos os itens obrigatórios do veículo em bom estado e funcionando, como: chave de roda, macaco, pisca-alerta, lanternas, extintor de incêndio e faróis.

5. Estado dos pneus

Para passar na vistoria é imprescindível que o estado dos pneus estejam bons, com a calibragem e alinhamento em dia, além de ter a largura correta.

+ Como consultar débitos veiculares pela placa? Descubra!

Quais as precauções para evitar a reprovação veicular?

Para tudo ocorrer bem e o seu veículo passar na vistoria, é ideal manter a mecânica em dia, além de não realizar alterações no veículo que comprometam a sua condução, por isso, sempre procure manter:

  • os pneus em bom estado;
  • a suspensão original;
  • o insulfilme seguindo as regras do CTB;
  • o chassi legível;
  • os itens de segurança do carro em ordem;
  • os débitos do veículo e a documentação em dia.

E, por mais que o carro pareça em bom estado, a manutenção preventiva deve ser sempre realizada, mesmo sem a intenção de venda, visto que é a sua segurança que está a prova.

O que ocorre quando o veículo não passa na vistoria?

Caso o veículo não passe pela vistoria, ele terá um prazo de 30 dias para regularizar a situação e deixar tudo conforme o indicado no dia, para ser marcada uma nova vistoria.

Além disso, a vistoria pode ser apenas realizada se o IPVA estiver em dia. Se você está precisando quitar seus débitos, confira e entenda como pagar débitos veiculares de forma facilitada!

Portanto, mantenha sempre o seu carro em dia e com os débitos pagos. Caso siga tudo isso corretamente, ele passará tranquilamente por essa vistoria.

E, se você está querendo comprar um automóvel, solicite a vistoria do mesmo para ter certeza que está fazendo um bom negócio e para não apresentar nenhum problema logo após a compra, precisando gastar mais com a manutenção.

Esperamos que tenha gostado desse conteúdo e para mais informações — continue seguindo o blog da Zignet. Até mais!

 

Banner Zigauto

4.7/5 - (127 votes)

A ZIGNET é uma Instituição de Pagamento que surgiu para facilitar e inovar a forma de recebimento de contas, à vista ou parceladas, por meio de cartões ou outras modalidades de pagamentos eletrônicos.

Além de oferecer os serviços tradicionais de recebimento de cartões, as maquininhas ZIGNET também têm como diferencial parcelar em até 12 vezes, no cartão de crédito, boletos e contas emitidos por empresas públicas e privadas. Atendimento personalizado, tecnologia de ponta e o melhor custo-benefício são vantagens que a ZIGNET disponibiliza aos seus clientes, oferecendo maior agilidade e segurança nas transações de pagamentos.

4 respostas

  1. Foi isso que o dono me falou que baixou os Km aí não passou pela vistoria
    Tem como saber se foi isso mesmo porque já paguei a metada
    É o primeiro carro que eu consigo comprar juntei minha vida toda pra comprar um carro

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe nas redes sociais

Últimas publicações