Logo Zignet branco

| Blog

Novas regras CNH: como obter, prazos e mudanças?

Leia em 5 minutos
trânsito
Índice do conteúdo

Ficar atento às mudanças de leis é algo que todos devemos fazer, principalmente quando se trata da legislação de trânsito — entendendo quais as regras sofreram mudanças para segui-las corretamente.

No dia 12 de abril de 2021, entrou em vigor a Lei 14.071/2020 que alterou o Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Essa lei trouxe vários pontos de mudanças que necessitam de atenção. Pensando nisso, a Zignet trouxe tópicos para te mostrar o que mudou e te ajudar a seguir a lei atual. Continue na página e aproveite a leitura!

Afinal, o que é a nova lei da CNH?

A nova lei trouxe mudanças de pontos para a CNH, tempo maior para renovação da carteira, obrigatoriedade do exame toxicológico e outros pontos. Ela é uma atualização que substitui o que era estabelecido na sua versão anterior, de 1997. Buscando simplificar e deixar processos menos burocráticos, além da redução de valor.

Confira cada item mudado com ela:

– Tolerância para suspensão da CNH

Com o vigor da lei, agora são necessários até 40 pontos para que o motorista perca a CNH, entretanto, ainda não é um número fixo, ou seja, em caso de multas gravíssimas, esse valor pode diminuir para 20 ou 30 pontos, assim como é no caso de utilizar o celular ao volante.

Dessa maneira, dependendo a gravidade do ocorrido, o motorista terá a carteira suspensa quando:

  • tiver duas ou mais infrações gravíssimas de 20 pontos;
  • se tiver uma única infração gravíssima de 30 pontos;
  • ou quando o motorista chegar ao total de 40 pontos sem nenhuma multa gravíssima.

Além disso, ainda é válido a suspensão da CNH por infrações específicas, como a Lei Seca.

– Tempo de renovação para a CNH

O tempo para renovação também foi um fator que mudou, antes com um prazo de 5 anos, agora, com a nova lei em vigor, passou para 10 anos. Contudo, esse prazo não é aplicado para todas as idades. Veja as regras:

  • Motoristas com idade de 18 até 50 anos — validade por 10 anos;
  • motoristas com idade de 51 até 70 anos — validade por 5 anos;
  • motoristas com idade superior a 71 anos — validade por 3 anos.

Entretanto, esse novo período de renovação só vale para quem está tirando a carteira atualmente ou que está próximo a renovar. Para quem renovou ou tirou a carteira antes da lei entrar em vigor, o período para renovação ainda é o antigo, com isso, se atente às datas.

Leia mais: confira quais são as principais multas de trânsito, penalidades e como evitá-las.

Obrigatoriedade do exame toxicológico

Esse tópico é obrigatório para motoristas profissionais. Desse modo, para condutores de transportes, cargas ou habilitados nas categorias C, D ou E — deverão realizar o exame a cada dois anos e meio. Caso não realize o exame, poderá sofrer a consequência de ficar com a carteira suspensa por três meses e terá que pagar uma multa de R$1.467,35.

Mudanças de categoria

Para os motoristas que desejam ir além da categoria C, devem ficar atentos a alguns requisitos básicos para conseguirem tirar as categorias D e E. Veja quais são:

– Categoria D:

  • Ter idade superior a 21 anos;
  • ser aprovado em exames de aptidão física e mental;
  • ter habilitação com pelo menos 1 ano na categoria C, ou de pelo menos 2 anos na B;
  • realizar curso prático de 20 horas/aula e ser aprovado;
  • não ter cometido nenhuma infração gravíssima nos últimos 12 meses.

– Categoria E:

  • Idade superior a 21 anos;
  • ser aprovado em exames de aptidão física e mental;
  • habilitado a pelo menos 1 ano na categoria D (resolução n.º 789/2020);
  • curso de 20 horas/aulas com aprovação no teste de direção;
  • não ter cometido nenhum ato de infração gravíssima nos últimos 12 meses.

Pesquisando sobre CNH 2023

Como tirar a CNH em 2023?

Para tirar a CNH em 2023 ainda será preciso passar por exame médico, avaliação psicológica, realizar as aulas teóricas e práticas em uma escolha de direção. Separamos um post para você entender melhor o que é um teste psicotécnico e como se preparar!

Qual será a média de preço nacional para obter a CNH em 2023?

O valor para tirar a CNH deve aumentar no ano de 2023, entretanto, esse valor pode mudar de região para região. Mas estima-se que o valor médio do país fique:

  • Categoria A será em média R$2.331,32;
  • Categoria B, sem simulador, será em média R$2.336,56;
  • E para quem deseja tirar as duas, a média da categoria AB será no valor de R$3.936,97.

Confira: posso andar com o IPVA atrasado? Conheça os riscos.

Viu só? Houve muitas mudanças da CNH com essa nova lei de trânsito e ficar ciente de quais foram as mudanças é algo fundamental para continuar seguindo corretamente o que está em vigor atualmente.

Esperamos que tenha gostado desse conteúdo e, para mais informações sobre leis e trânsito, — continue seguindo o blog da Zignet. Até a próxima leitura!

5/5 - (1 vote)

A ZIGNET é uma Instituição de Pagamento que surgiu para facilitar e inovar a forma de recebimento de contas, à vista ou parceladas, por meio de cartões ou outras modalidades de pagamentos eletrônicos.

Além de oferecer os serviços tradicionais de recebimento de cartões, as maquininhas ZIGNET também têm como diferencial parcelar em até 12 vezes, no cartão de crédito, boletos e contas emitidos por empresas públicas e privadas. Atendimento personalizado, tecnologia de ponta e o melhor custo-benefício são vantagens que a ZIGNET disponibiliza aos seus clientes, oferecendo maior agilidade e segurança nas transações de pagamentos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe nas redes sociais

Últimas publicações