Logo Zignet branco

| Blog

É possível dirigir van com CNH da Categoria B?

Tempo de leitura: 5 minutos
Índice do conteúdo
3.7/5 - (3 votes)

Pensando em ter uma van para chamar de sua? Veja se precisa trocar de carteira ou se pode dirigir com a categoria B CNH!

Sabia que a categoria B CNH é a mais popular do Brasil? Não chega a ser estranho, afinal é o tipo de Carteira Nacional de Habilitação que dá direito ao motorista conduzir os carros de passeio. Mas se houver a possibilidade de ganhar dinheiro dirigindo van, é preciso trocar a categoria da CNH?

Leia este artigo até o fim para descobrir a resposta para esta e outras perguntas e saber tudo sobre a categoria B CNH.

 

 O que é a categoria B CNH

Antes de mais nada é preciso entender que no Brasil não é permitido dirigir sem ter uma carteira de motorista válida, ou seja, uma CNH dentro do prazo de validade e sem nenhum bloqueio. 

De uma forma geral, a carteira de habilitação é conseguida através do pagamento de algumas taxas, de exames médico e psicotécnico, aulas práticas e teóricas e provas também práticas e teóricas. 

Sendo aprovado, o novo motorista recebe uma permissão para dirigir (PDD) válida por 12 meses, que poderá ser trocada pela CNH definitiva se o condutor não tiver cometido determinadas infrações.

Porém a CNH não é a mesma para todos os veículos, porque como cada tipo tem suas especificações, o curso de direção também precisa ter. Dessa forma o motorista é capacitado para conduzir um determinado grupo de veículos: são as categorias de habilitação.

O que significa cada categoria de CNH?

No total, a CNH tem 5 categorias, cada uma correspondente a um grupo de veículos com características semelhantes. Assim, na hora de entrar para  a autoescola para tirar sua carteira de motorista, é preciso escolher a categoria que se adequa ao tipo de veículo que pretende dirigir.

  1. CNH A –  Veículo motorizado de 2 ou 3 rodas, com ou sem carro lateral, com mais de 50 cm³ de cilindrada e ainda os ciclomotores descritos na categoria ACC.
  2. CNH B – Veículo motorizado, não abrangido pela categoria A, cujo peso bruto total não exceda a 3.500 Kg (3,5 t) de peso bruto total e cuja lotação seja maior que 8 lugares, excluído o do motorista. São os carros de passeio, quadriciclos e motorhomes, por exemplo.
  3. CNH C – Veículo motorizado utilizado em transporte de carga, não articulados, cujo peso bruto total exceda a 3.500 Kg (ou 3,5 t) de peso bruto total, como  caminhões, máquinas agrícolas e de carga e tratores, por exemplo. Inclui ainda todos os veículos da categoria B.
  4. CNH D – Veículo motorizado utilizado no transporte de passageiros, cuja lotação seja maior do que 8 lugares, excluído o do motorista, como ônibus, micro-ônibus e vans de passageiros. Também inclui a permissão para dirigir todos os veículos incluídos nas categorias B e C.
  5. CNH E – Combinação de veículos em que a unidade tratora se enquadre nas categorias B, C ou D e cuja unidade acoplada, reboque, semirreboque, trailer ou articulada tenha 6.000 Kg (ou 6 t) ou mais de peso bruto total, ou cuja lotação exceda a 8 lugares.

Há ainda a ACC – Autorização para Conduzir Ciclomotor, que habilita o motorista a dirigir veículos de 2 rodas com até 50 cm³ de cilindrada e que não ultrapassem 50 km/h. São os chamados ciclomotores.

 

Então a CNH B pode dirigir van?

Então, como você viu, a categoria B CNH é a chamada carteira de habilitação de carro de passeio, o tipo mais comum entre os motoristas. 

E como ela permite dirigir veículos de 4 rodas com peso bruto total de até 3,5 toneladas com até 8 passageiros mais o motorista, inclui também as kombis de 9 lugares no total, minivans (ou minivolume), furgões e mini trucks, além de permitir o acoplamento de reboque, semi-reboque ou articulado. 

Já para as vans com mais de 9 lugares no total, é preciso que a habilitação seja na categoria D, que também inclui ônibus e micro-ônibus.

Dessa forma, quem tem CNH categoria B e quer comprar uma van para uso particular, as minivans são ideais. Elas têm entre 4 e 9 lugares incluindo o lugar do motorista, então se encaixam na categoria.

Porém se a ideia for começar um negócio de transporte de passageiros com um veículo de 8 lugares além do motorista, não precisa trocar a categoria da carteira de motorista, mas será preciso incluir a sigla EAR (Exerce Atividade Remunerada) na CNH, para evitar problemas de fiscalização ou blitz.

 

Conheça o processo de habilitação para a categoria B

O processo para a habilitação na categoria B da CNH leva cerca de 90 dias entre todas as etapas. A partir da data de início o candidato motorista tem até 12 meses para completar o processo. Mas, em média, todas as etapas levam cerca de 90 dias para serem completadas.

Caso haja reprovação em alguma prova, é possível repetir mediante o pagamento de nova taxa. No final de tudo, sendo aprovado na prova final, que é a prática, o condutor terá a PPD e, depois de 1 ano, poderá solicitar a CNH definitiva. 

Conheça os 6 passos para a tirar a CNH B

No total são 6 etapas para tirar a CNH B. Veja quais são:

  1. Escolha um Centro de Formação de Condutores (CFC, ou autoescola) de confiança que seja credenciada no Detran. Confira também os níveis de aprovação. Faça o pagamento das taxas, leve todos os documentos necessários e agende os exames.
  2. Faça os exames médico e psicotécnico obrigatórios para atestar que você tem condições físicas e mentais para conduzir um veículo em vias públicas.
  3. Complete o curso teórico com 45 horas/aulas sobre direção defensiva, legislação, meio ambiente e cidadania, primeiros socorros e noções de mecânica básica.
  4. Faça a prova teórica para comprovar o que aprendeu. 
  5. Uma vez aprovado na prova teórica, é hora de fazer as 25 horas/aulas práticas, sendo 5 noturnas. No curso prático você vai aprender sobre a segurança no trânsito, na prática, através da direção defensiva. É a hora de mostrar seus conhecimentos teóricos ao volante e adquirir as habilidades necessárias nas ruas.
  6. Por fim, é hora do exame prático de direção veicular. Você mostrará que está apto a dirigir de forma responsável e consciente. Fique calmo e mostre que você é um bom motorista!

Com a Zignet fica mais fácil 

É muito importante estar em dia com a documentação veicular, seja em relação à carteira de motorista ou a algum débito. Afinal, ninguém quer ser pego em uma fiscalização com a CNH de categoria diferente do veículo que está dirigindo nem com multas ou impostos pendentes sem necessidade.

Na Zignet você tem todas as facilidades para quitar seus débitos veiculares de forma suave e segura. Basta parcelar em até 12X no cartão de crédito e ficar com o carro em dia.

Além disso, no nosso Blog você tem sempre dicas sobre direção segura e toda a documentação necessária para andar de acordo com as leis de trânsito.

Aproveite e confira os riscos de usar CNH quente!

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Compartilhe nas redes sociais

Últimas publicações